E a série Riverdale, é boa?

    Você, pessoa viciada em séries, está sempre em busca de algo novo para assistir, certo? Então vem comigo que vou te apresentar “Riverdale”, a aposta do canal CW para voltar às origens de séries adolescentes. E já aviso: se você é fã de “Pretty Little Liars” e “Scream”, vai querer fazer maratona de “Riverdale”!

    E a série Riverdale, é boa? | Dani Que Disse

    Tudo porque a série já começa com um grande mistério: o desaparecimento de Jason Blossom (Trevor Stines), filho de uma família riquíssima e irmão gêmeo de Cheryl Blossom (Madelaine Petsh), conhecida por ser a típica líder de torcida malvada. Isso nunca deveria ter acontecido numa cidade tão pequena assim.

    Depois de sermos apresentados ao grande mistério que promete levar a temporada, conhecemos os personagens Archie Andrews (K. J. Apa) e Betty Cooper (Lili Reinhart). Vizinhos e melhores amigos, Betty é a típica menina boazinha e é apaixonada por Archie, jogador de futebol americano que também quer ser músico e parece não sentir o mesmo por ela.

    Então aparece na cidade a Veronica Lodge (Camila Mendes, que é filha de brasileiros!), levantando o interesse de Archie e pronta para ser a melhor amiga de Betty.

    A série ainda possui diversos outros personagens importantes: como Jughead Jones (Cole Sprouse), o cara esquisito que está escrevendo um livro a respeito do desaparecimento de Jason (além de ser amigo de Archie); e Kevin Keller (Casey Scott), o amigo gay de Betty.

    É claro que existe também o núcleo dos pais, sendo os principais: a mãe de Veronica, Hermione Logde (Marisol Nichols); a mãe de Betty, Alice Cooper (Mädchen Amick); e Fred Andrews (Luke Perry), o pai de Archie.

    E a série Riverdale, é boa? | Dani Que Disse

    Para algumas pessoas, os personagens já podem ser velhos conhecidos, pois “Riverdale” é baseado nos quadrinhos “Archie”, criada em 1941 e que faz bastante sucesso até hoje. Teve, inclusive, uma adaptação para a televisão, chamada de “A Turma do Archie”, nos anos 1960.

    E sabe o que é mais legal? Os quadrinhos são lançados pela editora Archie Comics, responsável também por dois outros grandes sucessos: “Josie e as Gatinhas” (que também estão presentes na série!) e “Sabrina, a Aprendiz de Feiticeira” (amo num grau <3). O criador da série, Roberto Aguirre-Sacasa, já falou até sobre uma possível participação especial de Sabrina. Quero!

    E a série Riverdale, é boa? | Dani Que Disse

    E então, a série é boa? SIM! Merece ser assistida? SIM!

    Como disse lá no início de texto, ela é perfeita para quem gosta de séries adolescentes de mistério. Afinal, esse é o motor da temporada (além dos problemas típicos da adolescência, é claro). Achei esse ponto muito bem construído e em cada episódio recebemos uma nova informação que vai nos ajudar a desvendar o que aconteceu com Jason. Gostei muito disso, pois parece que a série não irá nos fazer de trouxa como outras por aí (*cof* PLL *cof*).

    Outra coisa que chamou muito a minha atenção foram as citações à séries e filmes. Eu adoro quando esse recurso é utilizado no mundo pop… Sinto como se a história só ficasse mais rica! E, é claro, fico bem animada quando algo que curto é citado, hahaha.

    E a série Riverdale, é boa? | Dani Que Disse

    “Riverdale” também possui muito girl power. Betty e Veronica, por exemplo, gostam do mesmo cara, mas deixam isso de lado para serem melhores amigas. Em um episódio elas ainda se juntam contra o slutshaming que acontece na escola.

    Por fim, o último ponto que gostei foi que dá para você misturar e criar vários casais para shippar, hahaha! A série possui tantos personagens que você pode criar os mais diversos pares, hehe. 😛

    E você, gostou de “Riverdale”? Vai assistir? A série passa nos Estados Unidos toda quinta-feira no canal CW e por aqui você pode assistir no Warner Channel, às segundas-feiras, 21h40.